terça-feira, 9 de agosto de 2011

Breve Catecismo de Westminster: Domingo 34

Comente Aqui



Pergunta 70: Qual é o sétimo mandamento?

Resposta: O sétimo mandamento é: “Não adulterarás”.1

Referências:

1 Ex 20.14

Pergunta 71: O que o sétimo mandamento exige?

Resposta: O sétimo mandamento exige a conservação da nossa própria castidade,1 e da do nosso próximo,2 no coração, nas palavras3 e nos costumes.4

Referências:

1 “que cada um de vós saiba possuir o próprio corpo em santificação e honra” (1Ts 4.4).

2 “E não sejais cúmplices nas obras infrutíferas das trevas; antes, porém, reprovai-as. Porque o que eles fazem em oculto, o só referir é vergonha” (Ef 5.11,12).

3 “Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, e sim unicamente a que for boa para edificação, conforme a necessidade, e, assim, transmita graça aos que ouvem” (Ef 4.29).

4 “ao observar o vosso honesto comportamento cheio de temor” (1Pe 3.2).

Pergunta 72: O que o sétimo mandamento proíbe?

Resposta: O sétimo mandamento proíbe todos os pensamentos,1 palavras e ações impuros.2

Referências:

1 “Eu, porém, vos digo: qualquer que olhar para uma mulher com intenção impura, no coração, já adulterou com ela” (Mt 5.28).

2 “Mas a impudicícia e toda sorte de impurezas ou cobiça nem sequer se nomeiem entre vós, como convém a santos; nem conversação torpe, nem palavras vãs ou chocarrices, coisas essas inconvenientes; antes, pelo contrário, ações de graças” (Ef 5.3,4).

quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Breve Catecismo de Westminster: Domingo 33

Comente Aqui



Pergunta 67: Qual é o sexto mandamento?

Resposta: O sexto mandamento é: “Não matarás”.1

Referências:

1 Ex 20.13

Pergunta 68: O que o sexto mandamento exige?

Resposta: O sexto mandamento exige todos os esforços lícitos1 para conservar a nossa vida e a dos nossos semelhantes.2

Referências:

1 “Enquanto amanhecia, Paulo rogava a todos que se alimentassem, dizendo: Hoje, é o décimo quarto dia em que, esperando, estais sem comer, nada tendo provado. Eu vos rogo que comais alguma coisa; porque disto depende a vossa segurança; pois nenhum de vós perderá nem mesmo um fio de cabelo” (At 27.33,34).

2 “Fazei justiça ao fraco e ao órfão, procedei retamente para com o aflito e o desamparado. Socorrei o fraco e o necessitado; tirai-os das mãos dos ímpios” (Sl 82.3,4); “Pelo contrário, se o teu inimigo tiver fome, dá-lhe de comer; se tiver sede, dá-lhe de beber; porque, fazendo isto, amontoarás brasas vivas sobre a sua cabeça. Não te deixes vencer do mal, mas vence o mal com o bem” (Rm 12.20,21); “Certo samaritano, que seguia o seu caminho, passou-lhe perto e, vendo-o, compadeceu-se dele. E, chegando-se, pensou-lhe os ferimentos, aplicando-lhes óleo e vinho; e, colocando-o sobre o seu próprio animal, levou-o para uma hospedaria e tratou dele. No dia seguinte, tirou dois denários e os entregou ao hospedeiro, dizendo: Cuida deste homem, e, se alguma coisa gastares a mais, eu to indenizarei quando voltar. Qual destes três te parece ter sido o próximo do homem que caiu nas mãos dos salteadores? Respondeu-lhe o intérprete da Lei: O que usou de misericórdia para com ele. Então, lhe disse: Vai e procede tu de igual modo” (Lc 10.33-37).

Pergunta 69: O que o sexto mandamento proíbe?

Resposta: O sexto mandamento proíbe tirar a nossa própria vida,1 ou a do nosso próximo, injustamente,2 e tudo aquilo que para isso concorra.3

Referências:

1 “Mas Paulo bradou em alta voz: Não te faças nenhum mal, que todos aqui estamos!” (At 16.28).

2 “Se alguém derramar o sangue do homem, pelo homem se derramará o seu; porque Deus fez o homem segundo a sua imagem” (Gn 9.6); “Não se tomarão em penhor as duas mós, nem apenas a de cima, pois se penhoraria, assim, a vida” (Dt 24.6); “Livra os que estão sendo levados para a morte e salva os que cambaleiam indo para serem mortos. Se disseres: Não o soubemos, não o perceberá aquele que pesa os corações? Não o saberá aquele que atenta para a tua alma? E não pagará ele ao homem segundo as suas obras?” (Pv 24.11,12).

3 “Todo aquele que odeia a seu irmão é assassino; ora, vós sabeis que todo assassino não tem a vida eterna permanente em si” (1Jo 3.15).

terça-feira, 2 de agosto de 2011

Breve Catecismo de Westminster: Domingo 32

Comente Aqui



Pergunta 65: O que o quinto mandamento proíbe?

Resposta: O quinto mandamento proíbe que negligenciemos ou façamos alguma coisa contra a honra e o dever que pertencem a cada um em suas diferenças condições e relações.1

Referências:

1 “Pagai a todos o que lhes é devido: a quem tributo, tributo; a quem imposto, imposto; a quem respeito, respeito; a quem honra, honra. A ninguém fiqueis devendo coisa alguma, exceto o amor com que vos ameis uns aos outros; pois quem ama o próximo tem cumprido a lei” (Rm 13.7,8).

Pergunta 66: Qual é a razão anexa ao quinto mandamento?

Resposta: A razão anexa ao quinto mandamento é: uma promessa de longa vida e prosperidade (quanto sirva para a glória de Deus e para o bem do homem) a todos aqueles que guardam este mandamento.1

Referências:

1 “Honra a teu pai e a tua mãe (que é o primeiro mandamento com promessa), para que te vá bem, e sejas de longa vida sobre a terra” (Ef 6.2,3).
 

Teologia e Vida © Revolution Two Church theme by Brian Gardner
Converted into Blogger Template by Bloganol and modified by Filipe Melo