sábado, 24 de dezembro de 2011

A verdadeira beleza

1 Comentário

“Enganosa é a graça, e vã, a formosura, mas a mulher que teme ao SENHOR, essa será louvada” (Pv 31.30).

Nos dias atuais, vemos em todos os lugares pessoas em uma busca sedenta pela beleza física, procurando a perfeição de seus corpos, procurando cada vez mais usar roupas caras, só assim tornando-se pessoas satisfeitas. Elas esquecem-se da importância de uma vida sem a centralidade do eu, e assim o mundo está ficando cada vez mais egocêntrico.

Essa é uma característica das pessoas mundanas, mas está penetrando no meio cristão cada vez mais. Em certas igrejas não mais presenciamos a centralidade de Deus no culto. Vemos pessoas que vão, não mais para adorar ao Senhor, mas sim para exibir a roupa nova, um cabelo impecável, etc. Além disso, existem pessoas que vivem dentro de academias em procura da forma perfeita, pessoas que até deixam de viver uma vida com Deus, para viver uma vida de veneração de seus próprios corpos.

A verdadeira beleza não consiste em uma beleza física impecável ou em usar roupas caras. A verdadeira beleza é a beleza que vem do íntimo do ser e transborda por todo o corpo. E só adquirimos essa beleza quando vivemos de maneira íntegra, uma vida de santidade, uma vida de centralidade em Deus. Quando estamos na posição de servas e não na posição de deusas sendo auto veneradas, tornamo-nos pessoas com uma beleza inacabável, pois a nossa beleza não consistirá mais em uma beleza fútil e passageira, mas em uma beleza que conduzirá para a vida eterna.

Devemos ter em mente que bens materiais, roupas, sapatos, bolsas, etc, são bens que não subsistirão por muito tempo, pois são corroídos por ferrugem e traças. Quando depositamos nossa confiança e nossa alegria nesses bens, elas vão definhando na medida da corrupção desses bens. Certamente essa é uma vida que ninguém quer viver, uma vida de oscilação da felicidade. A vida que queremos é uma vida de progressão da felicidade, mesmo quando não tivermos as melhores coisas do mundo, dando graças a Deus pelo que temos e cultivando nossa felicidade na confiança que temos em nosso Senhor.

A melhor forma de nos tornarmos pessoas belas e preservar essa beleza, é desprezar a sede por ela, e nos espelharmos na beleza santa de Cristo.

Comentários

1 comentário em "A verdadeira beleza"

www.jenny.com/blog disse...
4 de novembro de 2012 15:56

São palavras muito sábias,como eu queria saber falar assim tao bem como voces falam nesse blog.Deus abençoes voces sempre.Bjss

 

Teologia e Vida © Revolution Two Church theme by Brian Gardner
Converted into Blogger Template by Bloganol and modified by Filipe Melo