quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

Meditação sobre o salmo 42

4 comentários

Salmo 42

1 Como o cervo brama pelas correntes das águas, assim suspira a minha alma por ti, ó Deus!
2 A minha alma tem sede de Deus, do Deus vivo; quando entrarei e me apresentarei ante a face de Deus?
3 As minhas lágrimas servem-me de mantimento de dia e de noite, porquanto me dizem constantemente: Onde está o teu Deus?
4 Quando me lembro disto, dentro de mim derramo a minha alma; pois eu havia ido com a multidão; fui com eles à Casa de Deus, com voz de alegria e louvor, com a multidão que festejava.
5 Por que estás abatida, ó minha alma, e por que te perturbas em mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei na salvação da sua presença.
6 Ó meu Deus, dentro de mim a minha alma está abatida; portanto, lembro-me de ti desde a terra do Jordão, e desde o Hermom, e desde o pequeno monte.
7 Um abismo chama outro abismo, ao ruído das tuas catadupas; todas as tuas ondas e vagas têm passado sobre mim.
8 Contudo, o SENHOR mandará de dia a sua misericórdia, e de noite a sua canção estará comigo: a oração ao Deus da minha vida.
9 Direi a Deus, a minha Rocha: Por que te esqueceste de mim? Por que ando angustiado por causa da opressão do inimigo?
10 Como com ferida mortal em meus ossos, me afrontam os meus adversários, quando todo o dia me dizem: Onde está o teu Deus?
11 Por que estás abatida, ó minha alma, e por que te perturbas dentro de mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei. Ele é a salvação da minha face e o meu Deus.

Lendo um salmo como este se torna fácil entender porque Davi foi chamado de homem segundo o coração de Deus.

Percebem os anelos do coração de Davi? Ele queria Deus, ele anelava e gritava por Deus, ele não via a hora em que estaria diante do Seu Rei!

Além disso, Davi se preocupava com a glória de Deus, acima de tudo! Qual é o motivo de suas lágrimas, do derramar de sua alma, da ferida mortal em seus ossos? "todo o dia me dizem: Onde está o teu Deus?"! Ver o nome de Deus sendo profanado e desonrado era a pior tragédia para Davi, ao passo que ver Deus sendo louvado e adorado era o seu maior contentamento. A sua preocupação era com a glória de Deus, ele vivia com essa perspectiva. Davi entendia a dignidade e o valor infinito de Deus; ele O conhecia muito bem, participava de Sua intimidade, tinha tido visões de Seu caráter perfeito. Davi era um homem apaixonado por Deus, e estava tão seduzido, encantado e admirado por Deus que não podia ter outros sentimentos que não fossem desejá-Lo mais e mais e buscar a Sua glória.

Acredito que este é um dos pontos nos quais mais devemos insistir nos dias de hoje. Como você vencerá as tentações deste mundo, jovem? Como você odiará o pecado e amará a santidade, como Deus exige? Só há um meio: esteja totalmente fascinado ante à visão majestosa da glória de Deus; e o prazer de estar com Ele vai ser tão grande e o seu desejo pela glória Dele tomará sua alma de tal maneira, que o pecado perderá muito de sua força. Foi assim com todos os homens de Deus da Bíblia. Abra a sua Bíblia e veja se homens como Moisés, Isaías, Jeremias, os apóstolos, foram os mesmos após terem visões da glória de Deus.

E como eu vejo a glória de Deus? Devemos esperar vê-Lo como Moisés viu, na fenda das rochas? Ou como Isaías o viu, juntamente com a fumaça que enchia o templo? Não! Temos um modo muito mais maravilhoso e perfeito para vermos a glória de Deus: na face de Jesus Cristo (2 Co 4:6). É em Jesus Cristo que vemos a glória de Deus; o Seu caráter e Sua perfeição estão estampados no evangelho, é por isso que Paulo chama as boas novas de "o evangelho da glória de Deus". Vejam os milagres de Jesus, Seus ensinos, Sua misericórdia, e descobrirão "toda a plenitude da divindade". Contemplem ele "se movendo de íntima compaixão", e verão o glorioso amor de Deus. Vejam-no perdoando o ladrão ao seu lado, no calvário, e verão a gloriosa graça de Deus. Olhem lá, Ele suando gotas de sangue no Getsêmani por pecadores como nós; Ele lavando os pés dos discípulos, Ele comendo com os pecadores; Ele ressuscitando mortos e curando enfermidades; Ele dando esperança para uma prostituta condenada; Ele se condoendo das multidões, como ovelhas que não tem pastor; vejam-No ressuscitado, triunfante sobre a própria morte; olhem para tudo isso, e glorifiquem a Deus, vendo quem Ele é e toda a Sua perfeição absoluta!

O nosso Deus é totalmente glorioso, e por isso, totalmente desejável. Ele é digno e nós devemos ansiar por Ele, querê-Lo mais do que tudo, tê-Lo como tesouro supremo em nossas vidas. Ah, irmãos, que remédio poderoso para toda a vida é conhecer a Deus, é aprender Dele, é contemplá-Lo, quem dera O conhecêssemos mais! Sempre me deixa maravilhado lembrar que a Bíblia diz que o Espírito perscruta as profundezas de Deus, e que este mesmo Espírito habita em nós. Em outro ponto, é dito que o Espírito nos revela o que Deus nos deu pela Sua graça. O véu do templo se rasgou, e mediante o Espírito Santo temos acesso ao trono da graça!

Ao pensar em tudo isso, posso ver a estupidez do meu pecado! A estupidez de querer ser amigo do mundo! A tolice que é deixar de lado este Deus por causa de um pouco de tempo do prazer do pecado! Ah, nossa visão míope e distorcida, nosso coração ainda corrompido, oh Deus, ajuda-nos! Ilumina o nosso coração e faz-nos ver quem o Senhor é!

Comentários

4 comentários em "Meditação sobre o salmo 42"

talitha disse...
14/11/2010 17:48:00

Este comentário foi removido pelo autor.
talitha disse...
14/11/2010 17:54:00

o salmo 42 a 49 foram escritos pelos descendente de corá, um levita que havia liderado uma rebelião contra Moíses (Num 16.1-35), Corá foi morto,mas seus descendentes permaneceram fiéis a Deus e continuaram a servir ao Senhor no tabernáculo.
esta fonte é da Bíblia de Estudo "Aplicação Pessoal " a intenção foi de ampliar o conhecimento , fique na paz do Senhor.

Dnilson disse...
26/05/2011 08:05:00

Muito provavelmente este salmo foi escrito por Davi, dado ao mestre de canto para por a melodia e cantado pelos filhos de Corá que eram levitas.
Na graça e paz de Cristo.

lelel disse...
23/04/2012 15:05:00

Realmente este salmo é lindo mais nao foi edcrito por davi mais como em um dos comentários anterior, foi por um deswcedente de corá, pois eles estavam cativos, nao podiam ira a casa de Deus e a sua alma ansiava pela presença do Deus vivo como a corça pelas águas.

 

Teologia e Vida © Revolution Two Church theme by Brian Gardner
Converted into Blogger Template by Bloganol and modified by Vinícius M. Pimentel