domingo, 25 de janeiro de 2009

500 anos de João Calvino

6 comentários

Neste ano, dia 10 de julho, serão comemorados os 500 anos de nascimento de João Calvino, grande reformador e um dos maiores teólogos da história. Aproveitando esta ocasião, alguns irmãos propuseram uma leitura completa das Institutas da Religião Cristã, a maior obra de Calvino.

Para os irmãos que desejam aceitar esse desafio, há um plano de leitura aqui.

Para quem não tem as Institutas e deseja adquiri-las, há duas opções: a versão da Editora Cultura Cristã, com os quatro livros, e a versão da Editora Unesp, apenas com o Tomo 1 (livros 1 e 2) até o momento, mas com previsão de lançamento do Tomo 2 (livros 3 e 4) para este ano.

Finalmente, para aqueles que não têm condições de adquirir e ler as Institutas neste ano, mas desejam conhecer o pensamento do reformador, há um blog excelente, criado pelo irmão Josaías Jr., onde ele escreve comentários e citações dessa grande obra de Calvino: Calvino estava certo. Esse blog é uma excelente oportunidade para conhecer Calvino assim como ele é, e não como é pintado por aí...

Comentários

6 comentários em "500 anos de João Calvino"

cincosolas disse...
26 de janeiro de 2009 09:17

André,

Estava pensando (às vezes acontece)...

Bem que a gente poderia escrever um texto equilibrado para postarmos simultaneamente em blogs calvinistas nesta data.

O que você acha?

Em Cristo,

Clóvis

Luis Carlos disse...
26 de janeiro de 2009 09:54

André,
Legal a sua iniciativa de trazer ao público informações importantes sobre Calvino, este grande reformador.
Valeu pelo artigo; me levou a pensar como seria se Calvino estivesse aqui, hoje, o que ele ia pensar da igreja? Será que ele iria propor uma outra reforma?
Só estava pensando...
Afinal, é o aniversário dele. 500 anos, parece que ele continua vivo! Parabens Calvino!
Abraços.

André Aloísio disse...
26 de janeiro de 2009 20:16

Olá Clóvis, graça e paz!

Interessante essa sua idéia. Te mandei um e-mail para conversarmos melhor sobre isso.

Abraços,

André Aloísio
O principal dos pecadores (I Tm.1.15)

André Aloísio disse...
26 de janeiro de 2009 20:29

Olá Luis Carlos, graça e paz!

"500 anos, parece que ele continua vivo!"

Pois é, Calvino parece Abel: mesmo depois de morto, ainda fala (Hb.11.4)! Os livros dele ainda influenciam de tal modo a vida de milhares de cristãos no mundo inteiro que é como se ele estivesse no meio de nós.

Eu creio que se Calvino estivesse realmente aqui ele não seria evangélico, e sem dúvida iria propor e levar avante uma nova Reforma. Afinal, todos os Solas da Reforma, que faziam distinção entre os primeiros evangélicos e os católicos, são negados na teologia e na prática por boa parte dos evangélicos hoje, de modo que aquela distinção se perdeu.

Mas nem tudo está perdido. Já se pode ver no mundo todo o despontar de uma nova Reforma. Deus está começando essa obra e Ele certamente irá levá-la adiante e completá-la. Que assim seja!

Abraços,

André Aloísio
O principal dos pecadores (I Tm.1.15)

REV. PAULO SERGIO DA SILVA disse...
10 de fevereiro de 2009 11:21

Graça e paz irmão.
Essa data da comemoração, 10 de julho, é segura ou é simbólica?
Abraços,
God bless!!!

André Aloísio disse...
10 de fevereiro de 2009 22:08

Rev. Paulo, graça e paz!

Essa data é segura. Calvino nasceu dia 10 de julho de 1509.

Abraços,

André Aloísio
O principal dos pecadores (I Tm.1.15)

 

Teologia e Vida © Revolution Two Church theme by Brian Gardner
Converted into Blogger Template by Bloganol and modified by Filipe Melo